Nos siga no Instagram! TOP 5: coisas para se fazer em um dia de tédio Desventuras em Série #1: Mau Começo - Lemony Snicket Resenha #229: Era dos Extremos - Eric J. Hobsbawm
0

Resenha #219: Seeker - Arwen Elys Dayton

Título: Seeker
Subtítulo: A Guerra Dos Clãs #1
Autor: Arwen Elys Dayton
Editora: Fantástica Rocco
Tradução: Lucas Peterson
Edição: 1
ISBN: 9788568263402
Gênero:  Fantasia / Jovem Adulto
Ano: 2016
Páginas: 416
Adquira seu exemplar Aqui
Adicione esse livro ao Skoob

Avaliação: 



RESENHA


Então, esse mês recebi em parceria com a Editora Rocco o novo lançamento da autora Arwen Elys Dayton, o primeiro livro da Trilogia O Clã dos Guardiões, Seeker.
Neste primeiro volume da série somos apresentados à Quin Kincaid, uma garota que treina com seu primo Shinobu Macbain e seu namorado John Hart para se tornar uma Seeker, algo que é considerado de grande honra para suas famílias e que também envolve muito mistério.

Todo o processo de treinamento é bastante árduo e é concluído com uma iniciação, que também é envolta de muitos mistérios. Apesar de ser seu maior sonho se tornar uma Seeker, Quin começa a perceber que há algo de errado quando sua mãe praticamente implora para que ela abandone tudo e fuja no dia da sua iniciação. Apesar dos apelos, Quin decide seguir em frente e descobre que tudo aquilo para que foi treinada é uma grande mentira e ser um Seeker não é nada daquilo que ela pensava que seria, muito pelo contrário, após a sua iniciação tudo que ela mais quer é fugir para o mais longe que ela conseguir e nunca mais olhar pra cara do seu pai. 
O livro foi bastante confuso da primeira até a última página. A autora dá muitos arrodeios para chegar a algum lugar e acaba te levando pra canto nenhum. Apesar de ser algo bem diferente e original, não me agradei muito. Fiquei confusa quanto ao local em que a trama se passava e com relação ao tempo em que tudo acontecia, dúvidas que só vieram a ser esclarecidas bem depois da página 50. Os personagens são bem construídos, mas não achei que tivessem muita personalidade. 

O livro se passa em vários lapsos de tempo, passado e presente na tentativa de nos explicar e situar, mas isso confunde bastante, demorei muito pra me situar na história e isso acabou atrasando um pouco a leitura. Demorei bastante para encontrar algumas respostas e claro que várias ainda ficaram em aberto para que seja possível haver uma continuação.

A narrativa é feita em terceira pessoa e cada capítulo alterna para mostrar o ponto de vista de um dos personagens. Os capítulos são de tamanho bastante razoável e a letra tem tamanho agradável para facilitar a leitura. 
A Rocco trabalhou numa edição muito linda, a capa realmente ficou ótima, bem como a diagramação interna, vale destacar que também não encontrei nenhum erro aparente, o que deixou o meu TOC bastante satisfeito com a edição.

No geral, o livro é interessante, mas é preciso ter muita força de vontade para superar uma parte bem chata no início, o que dura, mais ou menos, umas 100 páginas. Depois disso a história começa a fazer mais sentido, mas, até lá a leitura é bem difícil. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado pelo seu comentário!