Nos siga no Instagram! TOP 5: coisas para se fazer em um dia de tédio Desventuras em Série #1: Mau Começo - Lemony Snicket Resenha #229: Era dos Extremos - Eric J. Hobsbawm
9

{Divulgação} - Editora Intrínseca e o folhetim: Belgravia

Olá, pessoal. Tudo bem? 


(Fonte)
Estamos com uma novidade muito bacana, principalmente para os fãs do seriado Downton Abbey. A editora Intrínseca está com um projeto incrível de recuperar o estilo de publicação por meio de folhetins, surgido no século XIX na França junto com a imprensa. 

Para quem não conhece, o folhetim é um narrativa literária publicada de forma seriada, por partes, e com um espaço de tempo (na maioria dos casos semanalmente) entre um capitulo e outro em jornais ou revistas. Uma das principais características é que, para manter o leitor atento e segurá-lo para a próxima semana, o autor termina o capitulo sempre com um gancho, algo que será desvendado no capitulo seguinte. Grandes escritores clássicos como Machado de Assis, José de Alencar, Aluísio Azevedo, Alexandre Dumas, Victor Hugo, Charles Dickens, entre outros, escreveram obras dessa forma.  

Assim, a Editora Intrínseca recupera o Folhetim com Belgravia, uma obra ambientada na Londres de 1840 para os apaixonados por romances históricos e os fãs da aclamada série Downton Abbey. A criação é de Julian Fellowes e a publicação será por meio de e-book, dividida em 11 capítulos, sendo o primeiro, Dançando para a Batalha, gratuito.


Sinopse

Durante o baile, pouco antes de uma da manhã, os convidados da duquesa de Richmond são surpreendidos pela notícia de que Napoleão invadiu o país. O duque de Wellington precisa partir imediatamente com suas tropas. Muitos morrerão no campo de batalha ainda vestidos com os uniformes de gala.

No baile estão James e Anne Trenchard, um casal que fez fortuna com o comércio. Sua bela filha, Sophia, encanta os olhos de Edmund Bellasis, o herdeiro de uma das famílias mais proeminentes da Bretanha. Um único acontecimento nessa noite afetará drasticamente a vida de todos os envolvidos. Passados vinte e cinco anos, quando as duas famílias estão instaladas no recente bairro de Belgravia, as consequências daquele terrível episódio ainda são marcantes, e ficarão cada vez mais enredadas na intrincada teia de fofocas e intrigas que fervilham no interior das mansões da Belgrave Square.




Confira mais informações aqui:
http://www.intrinseca.com.br/belgravia/


Até logo,
Pedro Silva

9 comentários:

  1. Oi Pedro!
    Não conhecia esse projeto da editora achei muuuuito bacana essa ideia dos folhetis. Não conheço o seriado Downton Abbey, mais irei acompanhar o folhetim Belgravia.

    ResponderExcluir
  2. Bom, como não sou muito fan de livros de época, acabei não me interessando muito por essa novidade dessa editora, mas para quem gosta com certeza vai ficar muito feliz em saber desse novo projeto, principalmente porque parece que vai ser algo bastante envolvente, que vai prender o leitor.

    ResponderExcluir
  3. Não sabia desse projeto da editora e confesso que nem sabia da existência desse tipo de livro, até então não li nada assim. Não conheço também esse seriado mas irei procurar saber mais sobre ele para quem sabe ler esse folhetim :)

    ResponderExcluir
  4. Achei a sinopse bem interessante, adoro essas histórias de família, só que ainda não me rendi aos e-books.

    ResponderExcluir
  5. Achei interessante por fazerem essa ligação com Downton Abbey. Assistia a série e gostei muito, então se for algo parecido já me chamou atenção. A ideia dos folhetins também foi diferente, gostei disso. Vou tentar conferir.

    ResponderExcluir
  6. Olá. Sou fã do seriado Downton Abbey, assisti todas as temporadas e amei. Então, esse folhetim Belgravia parece ser tudo de bom. Adoro filmes/livros com temas de época, ricos em história, cultura, figurinos e interpretação dos personagens. E livros, mechem com nossa imaginação, numa viagem no tempo. Com certeza adoraria conferir. Obrigada. Abraços.

    ResponderExcluir
  7. Que ideia linda!!
    Muito legal a Intrinseca retomar esse estilo de publicação, assim temos a chance de conhecer e essa forma de publicar não fica esquecida!!

    ResponderExcluir
  8. Oiee!
    Conhecço o seriado apenas de ouvir fala, mas nunca assisti.
    Achei legal o projeto da editora Intrínseca, bem diferente e que vai com certeza envolver o leitor desse tipo de livro. Vou tentar acompanhar.
    Bjokas!

    ResponderExcluir
  9. Oi Pedro, tudo bem?
    Adorei a ideia da editora em recuperar o folhetin.
    Não sei se me agradará, mas darei uma chance.

    ResponderExcluir

Obrigado pelo seu comentário!