Nos siga no Instagram! TOP 5: coisas para se fazer em um dia de tédio Desventuras em Série #1: Mau Começo - Lemony Snicket Resenha #229: Era dos Extremos - Eric J. Hobsbawm
19

Resenha #57: Mate-me Quando Quiser - Anita Deak



Lido Em: Fevereiro de 2015
Edição: 1
Editora: Gutenberg
ISBN: 9788582351819
Ano: 2014
Páginas: 248


Adicione esse livro ao Skoob



Avaliação:





Resenha


Mate-me Quando Quiser é o primeiro livro da jornalista mineira Anita Deak, publicado em 2014 pela editora Gutenberg e finalista de prêmio SESC de literatura.


Neste romance cheio de mistérios, classificado como noir, vamos conhecer uma mulher, na faixa dos 40 anos que cansada de viver, resolve contratar um matador de aluguel para realizar uma tarefa que ela mesma não tem coragem de fazer, se matar.
Soares, o responsável por tirar a vida dessa mulher, não é um assassino comum , já que só consegue fazer seu trabalho se estiver no clima por conta de seu misticismo e sendo assim, a mulher lhe dá um prazo de quatro meses para ele realizar a tarefa, mas que seja feita na cidade de Barcelona, local onde ela deseja morrer.

A partir daí já ficamos curiosos sobre alguns mistérios:

1. Quais os motivos de contratar alguém para se matar?
2. Por que em Barcelona?
3. Soares vai conseguir?
4. Como?

Não bastando essas questões, lá em Barcelona, a Mulher (como é chamada no livro) tem uma pequena intromissão na vida de um Homem, que acaba desencadeando a intromissão na vida de mais duas mulheres e um casal de crianças, sendo assim, ela tem sua vida misturada a de outras, mal sabendo ela que isso iria causar tantas confusões. desentendimentos e algo bem maior do que apenas o seu suicídio comprado.

As personagens criadas por Anita Deak são carregadas de algum sofrimento. Temos um marido que se divide em dois para dá sustentabilidade à duas famílias e que por isso tende a ter um peso na consciência. A Loira e a Morena, personagens distintas, que vivem a mesma situação; ambas tiveram que abandonar seus sonhos por causa do casamento, ou viram no casamento uma forma de viver seus sonhos. Outro é matador Soares que tem seu modo de agir totalmente pensado, já que ele tem de ser discreto e não deixar pistas de sua profissão. E a Mulher, com seus mistérios que decide retirar a vida.


O livro possui uma narrativa ágil em terceira pessoa com discurso indireto livre, onde em certos momentos temos o narrador refletindo e conversando com o leitor sobre alguns dos acontecimentos, mas sem deixar de sair da terceira pessoa. Os capítulos são curtos, o que deixa a leitura mais rápida do que imaginamos ser.

O comportamento humano é um dos maiores pontos desse livro, já que trata de suicídio comprado, suicídio, traição, bigamia, desentendimentos, sonhos, psicologia... entre outros. Chegamos com isso a pensar mais em o quanto nossos atos pode influir na vida de outras pessoas, às vezes queremos até agir certo, mas nem sempre a intenção é interpretada da forma que queríamos que fosse.

Anita Deak nos traz uma história que nos deixa com uma pulga atrás da orelha e leva isso ao decorrer da narrativa, mas que só é apenas um plano inicial para o que estará por vir logo em seguida e que acaba surpreendendo o leitor com um desfecho, envolto de ironia, de partir o coração.


Segundo a própria autora, em entrevista para o programa Entretexto, o livro já está em negociação para ser transformado em filme, com gravações em Barcelona. Ou seja, vamos aguardar que a negociação dê certo. Espero muito, também, que a autora possa escrever outras obras, pois creio, e muito, que ela ainda tem bastante a nos oferecer e que ainda iremos ouvir falar mais de seu nome.

19 comentários:

  1. Heey. Beleza?

    Esse livro está ganhando um certo destaque, né? Meu colega leu e disse que, apesar de ser um pouco confuso, ele gostou bastante. Gosto de histórias que me levam a dúvida e aos questionamentos. Já adicionei a lista de desejados. Abraço!

    https://euvivolendo.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Oiee, tudo bem?

    Adoro livros com mistério. O livro parece ser interessante e eu achei o título bem forte. Adoro leituras ágeis, espero que eu goste tanto quanto você

    beijos
    Kel
    www.porumaboaleitura.com.br

    ResponderExcluir
  3. Olá,
    Morro de vontade de ler esse livro e conhecer melhor a história, que parece ser super bacana, adorei a premissa dele desde que li a sinopse super curiosa da obra <3.
    Beijos.
    Memórias de Leitura - memorias-de-leitura.blogspot.com

    ResponderExcluir
  4. Oi,
    acredito que através desta leitura a autora nos mostra pessoas reais com situações reais. Nos mostra a verdade mesmo na ficção. E isso é mais ou menos para fazer com que as pessoas que leiam o livro reflita sobre a própria vida e olhe ao seu redor.
    Estou bem curiosa, ainda mais depois de que você diz, que o final é inusitado e surpreendente, alem do enigma de o porquê ela quer se matar.
    Acho que para essas perguntas eu teria que ler.
    E fico feliz de ver que os direitos foram comprados, aposto que dara um bom filme. Que a ideia siga em frente e venha para as telonas.

    Parabéns pela resenha!

    Beijokas Ana Zuky

    ResponderExcluir
  5. Ooi,

    eu não li esse livro ainda, mas estou com bastante vontade. Justamente pelo comportamento humano ser retratado na história. Lembro que quando vi esse livro não dei muito valor para ele, a capa não tinha me chamado a atenção, mas todas as resenhas são de certa forma positivas.

    Sobre os primeiros questionamentos, estou querendo saber o que a vida da autora tem em relação a vida das demais personagens e porque ela quer morrer mesmo.
    Enfim, otima resenha!


    Beijinhos,
    www.entrechocolatesemusicas.com

    ResponderExcluir
  6. não me interessei pelo livro pq a personagem n tem coragem de se matar, tipo vem logo na minha cabeça: ela é fraca.
    sei lá, personagens assim não me empolgam, por isso não leria. mas mt gente quer ler né? então espero que curtam a leitura!
    Seguindo o Coelho Branco

    ResponderExcluir
  7. Não conhecia o livro, mas me interessei por ele assim que li sua resenha. Gostei da trama e a descrição dos personagens me dá a impressão de sejam muito intricados. Adoro.

    cafeecomletras.blogspot.com

    ResponderExcluir
  8. Eu me empolguei mais com a sinopse, quando saíram as divulgações, do que com o livro que vc apresentou aqui. Por mais que tenha gostado, eu meio que me desinteressei pela história. Acho que esperei uma coisa diferente, não sei. Mas legal saber que vai virar filme, talvez eu veja e me anime pela leitura.
    Beijinhos!
    Giulia - www.prazermechamolivro.com

    ResponderExcluir
  9. Bom dia, tudo bem?
    Não conhecia a história, mas fiquei me perguntando porque alguém contrataria outra pessoa para se matar? haha, sério, bem louco isso! E o que faz com que os personagens se encontrem e tenham as vidas entrelaçadas? - em Barcelona, claro! Infelizmente o livro não chamou muito minha atenção, mas percebi que se trata de uma história bem elaborada. Vou torcer para que vire filme, assim posso conhecer ^^

    Mil beijos :*
    Blog Procurei em Sonhos

    ResponderExcluir
  10. Olá...

    O titulo desse livro é forte... dá ideia que a pessoa está pronta para morrer no momento que a "outra" desejar... o enredo apresentado é bem interesse bem o estilo que gosto, mas sei lá... achei meio cansativo e com receio se vou gostar ou não, ainda não decidi se vou arriscar... Xero!

    ResponderExcluir
  11. Achei interessante o narrador chegar a se comunicar com o leitor algumas vezes, sem sair da terceira pessoa. Acho a premissa desse livro muito interessante e quero ler desde que foi lançado, mas não gostei dessa descrição do desfecho que você fez, espero que eu esteja enganada, mas acho que o final ficou muito óbvio agora... só lendo pra ter certeza.

    Ju
    Entre Palcos e Livros

    ResponderExcluir
  12. Olá
    Caraca, que livro é este!? Adicionado na lista de futuras leituras. Achei a idéia muito legal, que tipo de pessoa paga para ser morta? Que coisa louca. Adorei a resenha.
    Abraços

    www.estantejovem.com.br

    ResponderExcluir
  13. Oi Pedro e Sérgio, tudo bem com vocês?
    Você (não sei quem fez a resenha) falou algo que fez meus olhos brilharem: comportamento humano. Eu sempre procuro entendê-lo e se ele foi o ponto forte do livro, já me ganhou. Eu não consigo entender como algum pode friamente encomendar a própria morte, acho o suicídio um ato de desespero, de solidão. Você também comentou uma outra coisa que acho que acontece muito: as vezes, tentamos ajudar e somos interpretados de forma equivocada. Acho que isso se encaixa em tudo na vida, não só na hora de ajudar, muitas vezes, basta uma palavra e uma tempestade está formada.
    Fiquei muito interessada e gostei muito da resenha.
    beijinhos.
    cila.
    http://cantinhoparaleitura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  14. Como assim a mulher contratou alguém para matá-la? Fiquei muito curiosa com isso hahah
    Gosto de capítulos curtos e apesar de não ser muito fã de livros em terceira pessoa, ele funciona bem em livros com suspense, pois assim você acompanha tudo de um angulo mais amplo.

    Beijiinhos ;*
    Andressa - Blog Mais que Livros

    ResponderExcluir
  15. A ideia desse livro é meio louca né, contratar alguém pra se matar?!.Suicídio comprado?! Surreal.
    Mas gostei da forma como ele foi escrito, gosto quando o narrador conversa com o leitor, isso funciona pra mim, adoro a interação.

    Beijos.
    Leituras da Paty

    ResponderExcluir
  16. Olá

    Depois ver esse livro figurar na maioria dos posts de lançamentos do mês agora tenho a oportunidade de ler uma resenha e vou dizer porque o livro chamou ainda mais a minha atenção: o noir. Eu sou completamente fascinado por filmes noir e inclusive o meu último curta-metragem pegou várias referências nesse estilo. Quero ler e quero também conferir o filme, que com certeza vai ser aprovado.

    Abraço!
    www.umomt.com

    ResponderExcluir
  17. Oiii
    Não conhecia o livro, mas já quero lê-lo, a história parece bem interessante, tipo, porque ela não se mata de uma vez? Não seria mais fácil do que contratar alguém para matá-la? Fiquei curiosa sobre os motivos dela para escolher fazer isso.

    Beijos
    http://www.sacudindoaspalavras.com.br/

    ResponderExcluir
  18. Olá!!!
    Não conhecia o livro e a autora, mas fiquei interessada em lê-lo. Adoro livros que carregam um bom mistério, que faz com que levantemos questionamentos sobre as atitudes dos personagens.
    Gostei muito da sua resenha, e espero que o livro seja adaptado :)
    Beijos!

    ResponderExcluir
  19. E aí Pedro como vai ?
    Primeiro como você não me falou desse livro? Achei a premissa espetacular e gostei muito muito muito muito mesmo da história, gostaria muito de poder conferir a história, embora não conhecesse o livro ele já foi para minha lista de desejados, espero poder conferir a hist´ria o mais rápido possível.
    Abraços, Carlos.

    http://blogchuvadeletras.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

Obrigado pelo seu comentário!