Nos siga no Instagram! TOP 5: coisas para se fazer em um dia de tédio Desventuras em Série #1: Mau Começo - Lemony Snicket Resenha #229: Era dos Extremos - Eric J. Hobsbawm
20

Resenha #45: Aristóteles e Dante Descobrem os Segredos do Universo - Benjamin Alire Sáenz

Lido em: Novembro de 2014
Título: Aristóteles e Dante Descobrem os Segredos do Universo
Autor: Benjamin Alire Sáenz
Editora: Seguinte
Gênero: Romance/Ficção
Ano: 2014
Páginas: 392


Adicione esse livro ao Skoob

Avaliação:




Em "Aristóteles e Dante Descobrem os Segredos do Universo", conhecemos de cara Aristóteles, um descendente de mexicanos, que está entrando em sua adolescência e que possui dentro de si um acúmulo enorme de pessimismo e raiva. Raiva porque seu pai fora soldado e carrega dentro de si marcas da guerra que não divide com ninguém. Raiva por ser o irmão mais novo e, por isso, deixado de lado por suas irmãs. Raiva porque seus pais escondem dele a verdade sobre seu irmão Bernardo (e até proíbem tocar no nome dele), que está preso por se envolver com o que não deveria.

Porém, em uma bela manhã de sol, Aristóteles decide ir em uma dessas piscinas comunitárias que existem nos EUA. Por sempre achar as conversas dos meninos de sua idade fúteis e sem sentido, Ari não possui nenhum amigo. Nunca chegou a aprender a nadar, então nunca saiu da parte rasa da piscina. Entretanto, tudo muda. Dante, um garoto repleto de positivismo e autoconfiança, decide romper o silêncio e oferece aulas de natação para Ari. A partir daí, uma bela amizade adolescente começa a florescer. Ambos viram melhores amigos e, gradativamente, vão conseguindo um grau maior de afinidade.

"Mas, com ele, conversar e viver e sentir pareciam coisas perfeitamente naturais. No meu mundo não eram."



Sem dúvidas, o melhor livro do ano. Com toda a sua mistura de temas e personagens, Aristóteles e Dante Descobrem os Segredos do Universo é um livro completo e repleto de passagens tocantes e reflexivas. Os personagens, tanto principais quanto secundários, possuem um grau de realidade ímpar, o que faz com que a obra se torne não apenas 'palavras no papel', mas ações vivas em nossa mente.

Embora a história se passe por volta de 1987, o livro se mostra totalmente atemporal. Os problemas vividos e relatados pelos personagens são os mesmo que vivemos hoje. Além disso, toda a trama nos faz perceber que, mesmo que queiramos ser solitários, precisamos de alguém como ponto de apoio, até mesmo se esse alguém for totalmente o nosso oposto. É impossível ser feliz sozinho.

Muito mais que um livro sobre amizade, "Aristóteles e Dante" é um livro sobre relacionamentos interpessoais e seus efeitos diretos e indiretos nos indivíduos. Um livro leve sobre temas pesados. Amizade juvenil, drogas, sexualidade, amor. 
"Cicatrizes. Sinais de que você se machucou. Sinal de que você sarou."


Nos últimos capítulos do livro, Aristóteles já está com dezessete anos, e durante o decorrer da leitura conseguimos captar a gradativa mudança que ele sofre nesse meio tempo. São períodos de turbulência até se chegar ao conhecimento de si próprio.

Nunca, nunca mesmo, derramei uma lágrima sequer lendo alguma obra. Dessa vez, foi diferente. As lágrimas rolaram pelo meu rosto após terminar a leitura desse maravilhoso livro. Se você gosta de livros voltados ao público jovem-adulto, compre IMEDIATAMENTE esse título. Garanto que vocês não se decepcionarão.

"Talvez sejamos como pneus cheios demais. O ar precisa escapar. Os sonhos são isso."

Deixo vocês estão com uma das músicas preferidas de Ari:



20 comentários:

  1. Oi Sérgio, tudo bem?
    Tenho que falar que decepcionante é não ter dinheiro para comprar este maravilhoso livro. Estou de olho nele desde o lançamento mas ainda não tive chance de lê-lo. Sua resenha está ótima, muito boa mesmo e o livro só sobe no meu conceito.
    Se quiser me dar de presente aceito, ok migo ?
    Abraços.

    Italo T.
    http://www.ler-e-ser-feliz.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Oi Sério!
    Minha história com esse livro é frustrante. Nunca li nenhuma resenha ou comentário negativo, e quero muito mesmo lê-lo, mas sempre que vou na livraria é a mesma coisa. "Ah, tem sim em estoque! Vou procurar pra você! (...) Moça, não achei. Acho que não tem mais." Sempre que chego em casa e choro em posição fetal.

    Abraço!
    http://porenseetcs.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  3. Esse livro está em minha lista *-* Louco para ler.

    ResponderExcluir
  4. Li a resenha ao som de uma das músicas favoritas do Ari :P
    Eu tenho um amigo, sabe? Que queria muuuito ler esse livro, e ele me falou tanto sobre ele que até eu fiquei com vontade de ler! Adorei a resenha :*
    http://muchdreamer.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  5. Olá

    Deposito certa expectativa neste livro por conta dos inúmeros elogios que vejo a ele por aí, então quando eu ler espero gostar bastante assim como todo mundo. De vez em quando leio algum YA que me interesse e na maioria das vezes não me decepciono. Quem sabe este livro acabe quebrando meu jejum atual de não comprar livros novos.

    Abraço!
    www.umomt.com

    ResponderExcluir
  6. Oi Sergiiiiioooooooo!
    Primeiro quero falar como acho maravilhosa essa capa!!! Perfeita!
    Segundo, a sinopse me atrai muito! QUERO LER.
    Terceiro, sua resenha ta óóóóótima!! Quero ler mais ainda :O
    :O :O :O
    Tenho que comprar ahsuahshua.
    Abraços <3

    ResponderExcluir
  7. Olá, desde o lançamento esse livro me chamou atenção pelo nome, e pela capa linda. Mas até então, não havia lido resenhas, e confesso que a tua me tocou. Também nunca chorei lendo um livro :/ será se com esse será diferente?

    Beijooos!
    Vivendo em Livros

    ResponderExcluir
  8. Oooi,

    Eu só vejo elogios sobre essa obra, ainda não li, nem tive oportunidade de comprar. Mas acho que vou me render o mais rapido possivel porque só vejo elogios.
    Adorei saber dos temas tratados no livro, mas o que mais me faz querer ler o livro é saber que alguém que nunca chorou com livro e com esse você chorou. Acho que eu que sou manteiga derretida, vou morrer de amores.
    Muito obrigada pela dica!


    Beijinhos,
    www.entrechocolatesemusicas.com

    ResponderExcluir
  9. Oii Sérgio, tudo bem?
    Vi que gostou muito do livro, preciso urgente comprar esse livro, sua resenha já ganhou meu coração haha, to apaixonada por essa capa!!! As fotos ficaram lindas, também a capinha de Beatles haha
    Espero sua visita em Doce Literário :3
    http://www.doceliterario.com/

    ResponderExcluir
  10. Oie!
    Esse também foi um dos melhores livros que li no ano! Quando estava prestes a terminar a leitura fui surpreendida e o final foi MARAVILHOSO! Adorei os personagens, seus relacionamentos, os cenários, as ligações... Enfim, tudo! Não consigo encontrar nenhum ponto negativo na obra, e faltam palavras para descrever tudo o que Ari e Dante me fizeram sentir. A amizade, o descobrimento de si, a paixão, o rompimento de barreiras, de limites, o preconceito... Tudo foi essencial e na medida certa! Fico feliz que você também tenha gostado do livro.

    Beijos!

    ResponderExcluir
  11. Confesso que mesmo com todo mundo elogiando esse livro não consegui concluir até hoje se quero ou não ler... mas me chamou muita atenção a questão de que ele foi o primeiro livro que mexeu com você a ponto de te fazer chorar, deve ser mesmo muito tocante. Gosto do livro ser atemporal, e gosto também de se passar na década de 80. Ainda não decidi se vou ler, mas sua resenha me fez ir ao buscapé pesquisar o preço... rs...

    Beijo!

    Ju
    Entre Palcos e Livros

    ResponderExcluir
  12. Adorei o nome do livro, a capa, a história e não resisti acabei de colocar ele no kindle. Gosto de livros que tocam no nosso íntimo e que provocam reflexões. Adorei a dica!
    Beijos
    http://poraodaliesel.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  13. Oi, Sergio! Já tinha vontade de ler esse livro, mas sua resenha (maravilhosa) fez essa vontade aumentar e mais, me fez querer comprar o livro e começar a ler ele agora mesmo! Nunca nenhum livro me fez chorar, será que esse poderá ser o primeiro? Veremos (quando eu comprá-lo e lê-lo! rs)! :)

    Abraço

    http://tonylucasblog.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  14. Ola Sérgio adorei a premissa do livro ao ler sua resenha me empolguei mais ainda, tenho lido muitos elogios a esse livro. Adorei as quotes e a capa . Pelo visto serão muitas emoções no livro o que faz a leitura fluir bem,. Já em minha lista de leitura. abraços

    Joyce
    www.livrosencantos.com

    ResponderExcluir
  15. Oi meninos, tudo bem
    Não fala para mim que esse foi o único livro que lhe arrancou lágrimas que vou querer correr para comprar!!!!!! Acho que se isso aconteceu, é porque a história lhe passou verdade. Os temas que citou, realmente são pesados, mas por todos os comentários nas resenhas que já li, acho que será um livro inesquecível.
    Tenho certeza de que irei chorar muito, pois choro fácil.
    beijinhos.
    cila.
    http://cantinhoparaleitura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  16. Olá, tudo bem?

    Tenho tanta vontade de ler Aristóteles e Dante Descobrem os Segredos do Universo, sempre leio resenhas fantásticas deste livro e vou comprar assim que possível. Tenho certeza que devo chorar também, já que sou uma manteiga derretida. Deve ser um livro impressionante e maravilhoso, já tá na minha lista faz muito tempo. Vou aproveitar o fim de ano para pedir de presente de natal ou mesmo de aniversário (que está chegando).

    Beijos,
    www.leitorasempre.com

    ResponderExcluir
  17. OI, Sergio
    Fiz a leitura deste livro a algum tempo e foi uma das mais intensas e verdadeiras de toda minha vida. Me encantei e me emocionei bastante com toda essa trama sensível que o autor criou. Como você mencionou é uma trama atemporal e que traz muita verdade em suas palavras. É um livro maravilhoso e eu pretendo relê-lo em breve!

    Abraço
    Adriano
    GeraçãoLeitura.com || http://geracaoleiturapontocom.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  18. Se você que nunca chora se debulhou em lágrimas, é melhor eu ir lá para são paulo ajudar a reabastecer a cidade né?! rsrs
    Todas as resenhas sempre ressaltam as emoções da obra, o quanto ela pode nos tocar. Isso é o que me deixa com mais vontade de acompanhar a história. Mas por outro lado, sinto um receio inexplicável! Eu sei lá de onde vem isso, mas tenho a impressão de que posso me decepcionar com a leitura =/

    http://www.maisquelivros.com/2014/12/resenha-cantos-para-os-meus-netos.html

    ResponderExcluir
  19. Eu tô louca por esse livro. Acho que o conheci num clube do livro aqui no Rio, e desde então quero lê-lo. Tenho um certo receio porque nunca li romance homossexual, mas pelas resenhas que vi, inclusive essa, a amizade e a questão subjetiva são mais fortes e presentes na história. Pelo tema, por tudo que a leitura desperta em cada leitor, pelo título, pelos elogios... como não querer ler?
    E eu sou que nem você, quase não choro. Será que Ari e Dante vão me arrancar lágrimas?
    Beijinhos!
    Giulia - www.prazermechamolivro.com

    ResponderExcluir
  20. Olá Sérgio,
    eu já me falaram muito sobre a historia deste livro. Ele aborda temas que ainda - em pleno seculo 21 - é um tabu, e que muitos não gostam de opinar ou falar qualquer coisa do gênero.
    Leituras desta magnitude servem para abrir um pouco mais a mente de quem ainda não sabe como lidar ou pensar sobre.
    Eu tenho interesse por este motivo e espero muito em breve poder ler e conferir. Mesmo se passando em uma época em que não conheço, acredito que ele me mostrara outros detalhes que não sabia.
    Parabéns pela resenha!

    Beijokas Ana Zuky

    ResponderExcluir

Obrigado pelo seu comentário!