Nos siga no Instagram! TOP 5: coisas para se fazer em um dia de tédio Desventuras em Série #1: Mau Começo - Lemony Snicket Resenha #229: Era dos Extremos - Eric J. Hobsbawm
0

Sábado com Desventuras em Série #7: A Cidade Sinistra dos Corvos - Lemony Snicket

Título: A Cidade Sinistra dos Corvos
Autor: Lemony Snicket
Ilustração: Brett Helquist
Tradução: Ricardo Gouveia
Editora: Seguinte (Companhia das Letras)
Edição: 1
ISBN: 9788535903928
Gênero: Ficção / Aventura / Juvenil
Ano: 2003
Páginas: 232
Adquira seu exemplar aqui!
Adicione esse livro ao Skoob.

Avaliação: 



RESENHA


Em "A Cidade Sinistra dos Corvos", sétimo livro da série, o Sr. Poe decide, através do program "É preciso uma cidade para educar uma criança." que as crianças deverão ser criadas por uma cidade inteira. Sendo assim, ele deixa os irmãos decidirem em qual cidade vão morar. É quando eles veem a primeira vez a cidade chamada de C.S.C., que é a siglas que os irmãos Quagmire descobriram ser um terrível segredo e que tem relação com o tirano conde Olaf.

Mas ao chegar em C.S.C., Klaus, Violet e Sunny se frustam porque terão que ser responsáveis pela limpeza da cidade e por todas as tarefas de seus moradores. Lembrando que C.S.C é uma cidade repleta de corvos e que são tratados como as vacas na Índia. Eles contaram com a ajuda do factótum Hector nas atividades, além irem morar com ele.

Todo cuidado é pouco na busca pelo significado dessa sigla que aparentemente está envolvida com os nascedios que ocorreram, além do mais começam a aparecer pequenos poemas dísticos que dão pistas de onde os trigêmeos estão escondidos sob as garras do conde Olaf e sua atual namorada Esmé Squalor. Será que mais uma vez os órfãos irão escapar do seu carrasco?

No sétimo livro da saga dos irmãos Baudelaire temos muito suspense e correria. Aqui, o autor faz uma grande denuncia aos tradicionais costumes que acabaram virando regras e consequentemente, infelizmente, vão contra os direitos humanos. Coisas absurdas que você fica se questionando se em algum lugar ainda fazer coisas do tipo. E pasmem, ainda acontece. Desde um preconceito até mesmo a uma falta de humanidade por que está escrito em algum livro que determinado ato é errado.

A leitura mais um vez é bem fluida e rápida, no entanto, a formula do Lemony Snicket de narrar não muito muito. Ele usa muitas alusões e exemplos em sua narrativa, além de revelar que sente uma verdadeira dor de cotovelo por causa de sua amada Beatrice, que o deixou.
Personagens novos aparecem como o Jacques, Sr. Lesko, Sra. Morrow e Hector, que foi uma boa pessoa para os irmãos (ainda bem), porém, ainda falta muito chão para que os irmãos saibam mais sobre a sigla S.C.S.

Alguns detalhes e referências:

Detetive Dupin é uma referência a um dos personagens mais famosos de Edgar Allan Poe, que também é detetive, C. Auguste Dupin.
A Árvore do Nunca Mais é uma referência à obra "O Corvo", também de Edgar Allan Poe, onde um corvo ficava sempre repetindo: "Nunca mais! Nunca mais!".
Sr. Fagin, que liga para o Sr. Poe no inicio do livro, é uma referencia ao personagem de Charles Dickens no livro "Oliver Twist".

E você, o que achou do sétimo livro de Desventuras em Série?
Lembrando que a série da Netflix saiu ontem, dia 13.

Até logo,
Pedro Silva!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado pelo seu comentário!