Nos siga no Instagram! TOP 5: coisas para se fazer em um dia de tédio Desventuras em Série #1: Mau Começo - Lemony Snicket Resenha #229: Era dos Extremos - Eric J. Hobsbawm
0

Resenha #183: Welcome to Copacabana & Outras Histórias - Edney Silvestre



Título: Welcome to Copacabana
 Autor: Edney Silvestre
 Editora: Record
 Edição: 1º
 ISBN: 9788501107466
 Gênero: Contos brasileiros
 Ano: 2016
 Páginas: 352

Adicione esse livro ao Skoob 


Avaliação: 





RESENHA


Welcome to Copacabana é o primeiro livro de contos de Edney Silvestre, escritor premiado e conhecido por livros como Vidas provisórias e Boa noite a todos. O livro é dividido em três partes "No rio", "Além do Rio" e "De volta ao rio", com contos que permeiam por bairros do Rio de Janeiro, subúrbios, países como França e Itália, até voltarem novamente ao Rio.
"O levaram para dormir em outra parte da estação, do lado de fora das grades, onde todos eles dormiam juntos, umas meninas também, unidos por pedaços de barbante e corda nos tornozelos, pois se puxassem um o outro saberia." Página: 61
As vozes narrativas e os personagens dos contos são os mais diversos, homens, mulheres, ricos, pobres, criança abandonada, gay, sobrevivente de guerra, imigrante nos EUA, cartomante, etc. Por se tratar de contos, sempre existem contos que gostamos mais, e outro nem tanto. Porém nesse livro Edney Silvestre consegue manter o nível de qualidade de suas histórias.

Meus contos preferidos são "Ontem", um conto curto sobre uma família que perde tudo em um incêndio. "Bem que olhava o trem", um menino que passa a morar nas ruas, após sofrer abuso sexual. E "Welcome to Copacabana", a historia de Regina, uma viúva que passa a morar em Copacabana, e passa a lamentar os sonhos adiados, por causa do casamento e filhos. Voltamos a saber sua historia em dois contos, nas outras partes. "Além do Rio", e "De volta ao Rio".
 “A solidão ficou tão mais fácil depois da internet. Não existe solidão. Não mais. Existem a ponta dos dedos, o teclado, a tela, os chips, o ciberespaço, as bocas os gozos e tudo a disposição de um clique, um mouse, uma seta, uma caixa, um site. Não existe mais solidão." Página: 99
Edney Silvestre foi correspondente em Nova York do jornal O Globo e da TV Globo, cobriu também os ataques terroristas de 11 de setembro de 2001. Neste livro ele traz suas experiências como jornalista em seus contos, transformando fatos da nossa realidade em ficção. De modo geral, o livro muito me agradou, apesar de temas pesados os contos no geral são leves e bons de ler. Recomendo.

Até logo,
Elidiane Galdino



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado pelo seu comentário!